segunda-feira, fevereiro 24, 2014

“A nossa Rocha e a Rocha deles”

... a rocha deles não é como a nossa Rocha, com o que até mesmo os nossos inimigos concordam”.  Deuteronômio 32.31





O rochedo de nossos inimigos não se compara ao nosso Rochedo, e eles mesmos têm aviso disto.    

Deus, por que é invisível, utiliza-se de inúmeras figuras para mostrar o que Ele é para os Seus. Aqui, neste versículo Ele é chamado de “a nossa Rocha”.


Rocha = No A. T, rocha (sela’; çür) simboliza a segurança e a defesa de um refúgio alto e inacessível. Semelhantemente é usado acerca de um alicerce inabalável; remover a ‘rocha’ equivale a abalar o mundo. Num jogo com esses símbolos, não é surpreendente encontrar Deus sendo referido como a rocha que outorga segurança e firmeza ao Seu povo. Nos escritos do apóstolo Paulo essa tipologia é expandida para que Cristo seja identificado com a rocha cuja água nutridora seguia os israelitas no deserto.

Um símbolo do poder de Deus como refúgio para o homem frágil

Neste capítulo (Dt 32), encontramos a palavra Rocha sete vezes.

I – A própria figura de...:

a) Firmeza: (estabilidade): Sl 40.2
Sl 40.2 = Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama; colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos.

N.Hom: Davi compara o seu sofrimento ao de um prisioneiro confinado num poço e ao de um viajante atolado num traiçoeiro tremedal de lama. Desta forma também, Deus nos tira de um poço de destruí-ção, de um atoleiro de lama e coloca nossos pés sobre uma rocha, firmando-nos em lugar seguro.

b) Segurança: (confiança): Pv 3.26
Pv 3.26 = Porque o SENHOR será a tua segurança e guardará os teus pés de serem presos.

N.Hom: O Senhor é a nossa segurança e nos impede de cair em armadilhas, quando fazemos a sua vontade e Lhe obedecemos.

c) Proteção: (amparo): Is 4. 5, 6 e Is 54.10
Is 4. 5, 6 = Criará o SENHOR, sobre todo o monte de Sião e sobre todas as suas assembléias, uma nuvem de dia e fumaça e resplendor de fogo chamejante de noite; porque sobre toda a glória se estenderá um dossel e um pavilhão, os quais serão para sombra contra o calor do dia e para refúgio e esconderijo contra a tempestade e a chuva.

N.Hom: Estes versículos descrevem as condições de proteção, orientação e glória divina que prevalecem durante a caminhada do povo de Israel pelo deserto. Nos dias de hoje, em contraste com as falsidades humanas, o Senhor provê abrigo eficaz em face das tempestades espirituais. Isto quer dizer que: Embora os montes sejam sacudidos e as colinas sejam removidas, ainda assim a minha fidelidade para com o meu povo não será abalada, nem será removida a minha aliança de paz, diz o Senhor. (Is 54.10)

d) Imutabilidade: (qualidade do que não está sujeito a mudar):
Hb 6.18 = ... para que, mediante duas coisas imutáveis, nas quais é impossível que Deus minta, forte alento tenhamos nós que já corremos para o refúgio, a fim de lançar mão da esperança proposta.

N.Hom: Duas coisas imutáveis: A impossibilidade de Deus Mentir, e o Juramento de Deus.


O texto fala de duas rochas: Da nossa Rocha e da rocha deles.

1 – A nossa Rocha é...:

a) Base: (nosso fundamento): Is 28.16
Is 28.16 = Portanto, assim diz o SENHOR Deus: Eis que eu assentei em Sião uma pedra, pedra já provada, pedra preciosa, angular, solidamente assentada; aquele que crer não foge.

N.Hom: Se você está construindo algo, precisa de uma base sólida. Isaias fala sobre uma pedra fundamental, uma pedra de esquina, que seria colocada em Sião. Esta pedra fundamental é o Messias, o alicerce sobre o qual construímos a nossa vida. Não devemos esquecer que o único fundamento firme é Cristo, o alicerce da Igreja e de cada crente.

b) Manancial: (nossa fonte de água): Êx 17. 6
Êx 17. 6 = Eis que estarei ali diante de ti sobre a rocha em Horebe; ferirás a rocha, e dela sairá água, e o povo beberá. Moisés assim o fez na presença dos anciãos de Israel.

N.Hom: Deus está presente em todo o lugar, mas, mesmo assim, há momentos e lugares nos quais o homem está especial-mente convidado a sentir a realidade do amor e do poder de Deus.

c) Alimento: (dá-nos messes, mel e azeite): Dt 32.13
Dt 32.13 = Ele o fez cavalgar sobre os altos da terra, comer as messes do campo, chupar mel da rocha e azeite da dura pederneira.

N.Hom: Este versículo refere-se a experiências na Transjordânia, onde o povo desfrutara do mel e do azeite(as oliveiras produzem abundantemente quando plantadas em terraços de calcário, duras pederneiras).

d) Socorro: (nos oferece tudo de que necessitamos): Is 32.2
Is 32. 2 = Cada um servirá de esconderijo contra o vento, de refúgio contra a tempestade, detorrentes de águas em lugares secos e de sombra de grande rocha em terra sedenta.

N.Hom: Quando Deus governa, nossa vida é protegida, pois sua proteção será a resposta para cada situação difícil, inclusive problemas espirituais representados pelos perigos físicos que são comuns numa sociedade hodierna.


2 – A Rocha deles é...: A rocha que uma pessoa se firma significa, de acordo com a figura que usamos, aquilo em que a pessoa confia.
A) É Rocha de presunção: (vaidade, orgulho, pretensão).
Jó 20. 6, 7 = Ainda que a sua presunção remonte aos céus, e a sua cabeça atinja as nuvens, como o seu próprio esterco, apodrecerá para sempre; e os que o conheceram dirão: Onde está?

B) É a rocha dos avarentos: (riquezas, ouro, prata).
Tg 5. 2 - 3 = As vossas riquezas estão corruptas, e as vossas roupagens, comidas de traça; o vosso ouro e a vossa prata foram gastos de ferrugens, e a sua ferrugem há de ser por testemunho contra vós mesmos e há de devorar, como fogo, as vossas carnes. Tesouros acumulastes nos últimos dias.

C) É a rocha dos oscilantes: (sem firmeza).
Am 2.13 - 16 = Eis que farei oscilar a terra debaixo de vós, como oscila um carro carregado de feixes. De nada valerá a fuga ao ágil, o forte não usará a sua força, nem o valente salvará a sua vida. O que maneja o arco não resistirá, nem o ligeiro de pés se livrará, nem tampouco o que vai montado a cavalo salvará a sua vida. E o mais corajoso entre os valentes fugirá nu naquele dia, disse o SENHOR.



Os nossos inimigos confessarão e reconhecerão que a nossa Rocha é a melhor e a mais segura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário