quarta-feira, julho 27, 2016

Eclesiastes 4:9-12.

Leia Texto: Eclesiastes 4:9-12.

Introdução

A maior referência de Salomão, Rei de Israel: A sabedoria em todos os aspectos

      Sabedoria Social.
Sabedoria Administrativa.
Em especial:
 O Dom da Palavra da Sabedoria.
SALOMÃO tinha a palavra que definia questões, a palavra que resolve.
SALOMÃO teve seu nome mui arranhado, face à história das 700 mulheres e 300 concubinas. ENTRETANTO, antecedendo sua morte, ele termina a vida na terra escrevendo o Eclesiastes e o Cântico dos Cânticos, onde ele narra uma grande história de amor fidelíssimo entre um homem e uma mulher. Ec 9:8, Ec 4:9-12.

A Dobra de Três
O Cordão de Três Dobras

O termo “dobra”, no grego πτυκτός = ptyktós, significa: “que tem dobras” (que é duas ou mais vezes além do natural)Etimologia: “Parte de um objeto que, voltada, fica sobreposta a outra” (outra parte por cima).

O sábio Salomão viu a união conjugal como um cordão dobrado três vezes: Uma dobra de três;

CORDÃO:

§  Uma corda delgada.
§  Uma corda de diâmetro reduzido.
§  Cabo de pequeno diâmetro, formado de muitos fios de cobre e empregado em ligações elétricas.

DOBRAR – em grego, é διπλασιάζω = viplasiázo.
Etimologias:
§  Tornar duas vezes maior; duplicar. 
§  Tornar maior; aumentar.  
§  Tornar mais completo, mais intenso.

Ptyktós, significa: “que tem dobras” (o sábio Salomão disse: “três dobras”).
A esta junção tríplice ele chamou de: “cordão de três dobras”.

Como entender a visão de Salomão em Ec 4:9-12?

Acesse:

Nenhum comentário:

Postar um comentário