sábado, agosto 18, 2012

O que você consome é o que você é...[pornografia]

Esse texto é do caro irmão Fernando Ortega do excelente blog Não Morda a Maçã, Fala sobre pornografia entre cristãos


O que você consome é o que vocé é...[pornografia]

Esses são alguns dos assuntos dos e-mails que circulam pela internet diariamente. A palavra pornografia vem do grego e significa literalmente “escrever sobre prostituta”. Com o tempo, passou a referir-se a qualquer material, escrito ou gráfico, de conteúdo sexual.
Ao consumir deliberadamente material pornográfico é possível que as cicatrizes fiquem para o resto da vida – As imagens ficam gravadas a fogo na mente e continuam lá para sempre, e vêm à tona com a excitação sexual. Veja o que um ex-viciado em pornografia escreveu:
A pornografia dessensibiliza você. O que você fantasia durante uma “sessão” e o que realmente acontece num quarto entre você e sua parceira são duas coisas completamente distintas.


"Eu tentei com que minha namorada aceitasse algumas fantasias e tudo o mais, mas foi muito estranho pra nós dois. Todas as vezes que fazíamos sexo, eu tinha que fechar meus olhos e fingir que outra fantasia estava acontecendo em um outro contexto, não importava do que se tratava, sempre me levou ao orgasmo – apenas estar com a minha namorada não funcionava.
Conseqüentemente cheguei ao ponto em que eu não conseguia manter a ereção com minha namorada sem pensar em algo pornográfico bem pesado. A pornografia realmente bagunçou com a minha vida sexual, e isso me custou um relacionamento, desde que nós terminamos duas semanas atrás.”


Vidas totalmente destruídas graças a pornografia é comum. Algumas pessoas dizem que acessam apenas materiais eróticos, mas John Preston, um crítico social e pornógrafo gay, afirma que não há nenhuma definição viável do que seja pornografia versus o que seja erotismo. É igual. John é uma pessoa que entende de pornografia. Não importa como se rotula ou categoriza este ou aquele material sexual: o modus operandi básico do entretenimento adulto dos sites é fazer dinheiro vendendo imagens sexuais para audiência da internet. Além do que dez segundos de leitura até o fim deste parágrafo equivale 30 milhões arrecadados em todo o mundo com pornografia. Não é preciso gastar muitos neurônios na conta: são US$ 3 milhões a cada segundo. Uma enquete com 7.520 adolescentes de 20 escolas de São Paulo e Grande São Paulo mostrou que cerca de 60% dos jovens dizem não conversar com seus pais sobre sexo, apesar de cerca de 23% já terem tido relações sexuais completas – 15% com mais de cinco parceiros. A grande maioria (cerca de 70%) tem informações corretas sobre procedimentos para sexo seguro e uso de camisinha. Entretanto, 61% têm medo de engravidar (cerca de 9% das meninas que já fizeram sexo enfrentaram uma gravidez de fato) e 44% têm medo de contrair alguma doença.
Contudo, há esperança. Embora eu não possa explicar tudo que faz parte de achar essa liberdade nesse pequeno artigo, eu mencionarei brevemente apenas duas importantes.
1. Um homem lutando contra algum problema que domina sua vida precisa aprender a tirar seus olhos do pecado e colocá-los no Senhor. As palavras de Paulo: “Pensai nas coisas lá do alto, não nas que são aqui da terra” (Colossenses 3:2) Se concentrar no pecado não cria esperança e pode levar a mais um cativeiro. Ter o Libertador como foco é a resposta!
2. Um homem que desceu a escada enrolada do pecado precisa ver, com a ajuda de Deus, o caminho de volta – um passo de cada vez! Contudo, isso é inalcançável sem obediência. Quando ele se humilha e começa a obedecer a Deus de algumas maneiras, ele vai descobrir que obediência se tornará um estilo de vida. E milagrosamente a sujeira nojenta do pecado começa a desaparecer. Antes que ele saiba, ele terá escalado e saído daquele buraco fundo em que um dia ele se desfaleceu.
Realmente a pornografia é uma mentira. Ela tenta te dizer como o sexo deve ser, soar e aparentar. A pornografia é simplesmente uma fantasia produzida para apenas uma coisa – manter você sozinho a todo custo. A pornografia vai destruir as relações a sua volta, à medida que você afasta as pessoas por causa do seu segredinho sujo. A partir do momento que você usa a pornografia, ela se torna sua vida, e conseqüentemente você perderá o seu poder de escolha frente ao vício. Pare agora. Faça isso por você mesmo. Faça isso por sua esposa ou sua futura esposa. Faça isso por seus filhos ou seus futuros filhos. Faça isso porque é a coisa certa a ser feita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário