domingo, junho 15, 2014

Atalaia - Shekinah - Ebenézer



Vigiando, Adorando e Vencendo

*********************************************************************************************************
1 Samuel 7.12
Tomou, então, Samuel uma pedra, e a pôs entre Mispa e Sem e lhe chamou EBENÉZER, e disse: “Até aqui nos ajudou o Senhor



Israel, nação eleita de Deus, sofreu muitas derrotas por perder o foco – o propósito, o objetivo maior como servos do Eterno; Dentre tantas desgraças sofridas, a desobediência a Deus lhes rendeu a perda da arca da aliança! A arca era até aqueles tempos instrumento de comunicação da shekinah (presença) de Deus. Quando Deus se manifestava, uma fumaça cobria o templo; ali havia uma reprodução da glória celeste. Olhando-a no momento da manifestação divina via-se o que Isaías tinha visto na sua visão de chamamento (Isaías 6).
A arca nas guerras era a garantia de vitória sem muito esforço; E quando a dispensavam, acreditando em suas próprias forças, eram vencidos. Nenhum homem inteligente tira Deus de sua vida. Estando com Deus, claro, iremos às guerras, mas com Ele sempre gozamos de um final feliz. Sem Deus, a perda é desastrosa.
E se a arca se for? Os hebreus viveram oprimidos quando os filisteus a levaram. E isso aconteceu por causa do pecado do povo, que os deixou vulneráveis a ataques. É o que o pecado faz na vida do cristão. É preciso vigiar, senão, o inimigo levará a shekinah de sua vida.
Renovando votos. Existem momentos em nossas vidas, que devemos renovar nossos votos com o Senhor, nos arrependendo de nossas falhas e nos voltando para Ele; Isso acontece com arrependimento: “Samuel falou ao povo: se é de todo coração que voltais ao Senhor, tirai dentre vós os deuses estranhos e os astarotes, e preparai o coração ao Senhor, e servi a Ele só, e Ele vos livrará das mãos dos filisteus” (1 Samuel 7.3)
Hora de ir à Mispa. Mispa significa atalaia (lugar de vigilância). O povo de Deus após arrepender-se e tirar o pecado é conduzido Mispa, a zelar por uma vida despojada de toda idolatria e outros pecados contra Deus.
Retaliação na vida de um adorador: é o que acontece quando estamos determinados a colocar nossas vidas integralmente na presença do Altíssimo. O diabo fica furioso. “Quando os filisteus souberam que estavam todos invocando ao Senhor em Mispa, foram contra eles...” (1 Samuel 7.7) pois sabiam do perigo ali representado. Uma vida espiritualmente estática pode deixar o inimigo satisfeito. Situações como tais estão bem explicadas aos recém convertidos por seus líderes, mas mesmo assim, poderemos temer, o que é uma reação natural. Quando Israel começou a invocar a shekinah de Deus, os inimigos subiram até Mispa para os impedir e o povo temeu. O que fazer? Decidiram continuar invocando e ofertando ao Senhor (1 Samuel 7.8). Naquele dia, enquanto cultuavam; o Senhor trovejou sobre os inimigos, fazendo dos hebreus mais uma vez, vitoriosos. Adore!
É impossível vencer quem vive na presença de Deus: Os filisteus sabiam disso, e tentaram impedir que o povo adorasse outra vez. Se você deseja restabelecer sua comunhão com Deus é preciso recomeçar bem. Somente em Mispa é possível. Somente na torre de vigilância. As perdas e derrotas do povo foram por causa da falta de vigilância. Mas quando deram conta do que necessitavam para vencer outra vez, voltaram para Deus com todas as forças e se tornaram invencíveis.
Jesus é a pedra que ajuda. Ebenézer significa 'pedra que ajuda'; esse foi o nome dado ao marco da vitória. Uma grande pedra foi erguida para que todos vissem que Deus os havia feito vencedores. E o melhor, “os filisteus foram abatidos e nunca mais voltaram ao território de Israel” (1 Samuel 7.13). Quando o inimigo tentar te assustar, lembre-se que Cristo venceu e que lhe fez mais que vencedor.
Deus quer te encontrar em Mispa para que você veja sua Shekinah e diga: Ebenézer!


Pr. Jeffson M de Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário